Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Uma por dia 18

por neves, aj, em 03.04.08

... uma tarde de Domingo, provavelmente.
Estávamos nos moinhos, lembram-se? Embora o nosso desejo fosse o de vir Rio abaixo, novamente até à Ponte para daqui tomarmos outros rumos visto que outras paragens temos  que mostrar, sentimo-nos no entanto na obrigação de dar um pulinho à Franca. Tínhamos dois caminhos a tomar, mas fugimos do da (antiga) estrada em paralelepípedos e optámos por atravessar o caneiro para o outro lado, para a margem esquerda, que curiosamente não conseguimos identificar nesta foto. Entre campos de milho lá chegaríamos a esta zona que, lembramos bem, era bastante frequentada principalmente pelas gentes residentes no antigo Bairro Municipal.

Photobucket

Pelo postal que nos é oferecido vemos que nos tempos de antanho a Franca era então local privilegiado para um passeio de barco a remos. Por acaso ainda nos lembramos do barco que fazia a travessia entre a  Quinta do Rio, hoje reconstruída e virada para o Turismo Rural, e a margem direita que mais ou menos em frente à citada Quinta, ou talvez um pouco mais para a frente no sentido do Granjal, tomava o nome de Ribeira Dão onde pela mão de uma avó, a única que conhecemos, tomámos contacto com a vida da lavoura. Em breve parêntesis diga-se que parece inacreditável que estas memórias nos visitem já que só teríamos 5 anos, mas o lenço, a acentuada corcunda e as vestes todas negras da avó Margarida desfilam-nos pela mente com uma nitidez impressionante.
Bom, mas desviámos um pouco do tema já que não é propriamente de nós ou a nós relacionado que desejamos escrever. Antes sim do lazer das gentes santacombadenses daqueles tempos chamando no entanto a especial atenção para o facto de a foto retratar pessoas de um certo nível sócio-económico a olhar pelas vestimentas. No nosso álbum SANTA COMBA DÃO - FOTOS ANTIGAS, as características das roupas tomarão mais evidência nas fotos em ampliação, já que até nos parece que teria sido dia de festa rija, provavelmente casamento ou, quem sabe, talvez dia de comunhão das crianças dada a carinha de bebé da "noiva".

Photobucket

Mas hoje, e novamente, vamos colocar mais uma foto que nem fica desenquadrada da primeira já que afinal estamos perante outro quadro que nos retrata, muito possivelmente, um passeio em tranquila tarde de Domingo. No entanto, o local, Arredores do Couto do Mosteiro, é bem distante da Franca das águas calmas e só viemos cá acima em meteórica visita por uma questão de arrumação das fotos no nosso álbum SANTA COMBA DÃO - FOTOS ANTIGAS. Mais uma vez é notório que se trata de gente fina, como se costuma dizer por aqui, sendo que esta designação é completamente absurda nos dias de hoje e diremos antes, em repetição, que se tratará muito possivelmente de pessoas do tal nível social que referimos ou gente abastada como se diria na altura. Da análise aos retratos falaremos então depois com mais calma e vagar.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:44




  


 photo logoasminhasfotos_zps81358f6e.png

calendário

Abril 2008

D S T Q Q S S
12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
27282930




Comentários recentes


Ligações

SANTA COMBA DÃO

NOTÍCIAS NO VOZ

FUTEBOL NO VOZ

INFORMÁTICA NO VOZ

LUSO IN SÃO PAULO

FOTOS NO FACEBOOK