Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Paz, muita Paz

por neves, aj, em 20.02.09

... nunca a visão de uma urna nos transmitiu tamanha sensação de Paz.

Photobucket

Não julgueis contudo que essa Paz é fruto (apenas) dos botões de rosa vermelhos intercalados por salpicos de cor branca que a cobrem ou mesmo do manto branco alvo de neve sobre o solo do cemitério que abafa as lágrimas muito antes já derramadas. Essa Paz, essa calmaria, é-nos transmitida essencialmente pela serenidade do sofrimento inexpressivo de um pai em acompanhamento solitário que finalmente viu o seu dever ser cumprido antes de ele próprio partir: ter conseguido que a memória de sua amada Eluana, morta de vida há 17 anos, tenha encontrado o merecido descanso, que a sua rosa possa finalmente adormecer entre as páginas do livro da vida.
Comungai também dessa Paz com um clique sobre a imagem e alimentai-a com a leitura deste soberbo texto da autoria do Prof. Massano Cardoso.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:08




  


 photo logoasminhasfotos_zps81358f6e.png

calendário

Fevereiro 2009

D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728




Comentários recentes


Ligações

SANTA COMBA DÃO

NOTÍCIAS NO VOZ

FUTEBOL NO VOZ

INFORMÁTICA NO VOZ

LUSO IN SÃO PAULO

FOTOS NO FACEBOOK