Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Tio Afonso, de Belém do Pará

por neves, aj, em 26.02.10

O careca da esquerda é o meu tio Afonso Neves e o da direita é o meu pai Zé Neves. São irmãos legítimos, isto é, ambos filhos do matrimónio do Manuel e da Aida, meus avós paternos. A foto foi captada  no Largo do Outeirinho e, segundo o meu irmão mais velho, no ano de 1959. Teria eu, então, 4 anos de idade, como dará bem a perceber pela estatura apresentada na citada foto pelo mais pequeno dos personagens, porque de outro não se trata que não eu, embora aqui ainda não revelasse o mais notório dos patrimónios que herdei dos Neves: a careca. Diga-se num à parte que nem eu revelava nem [ainda] o meu irmão Jorge, sentado imediatamente a meu lado, na altura aí com uns 15 anos de idade, mas curiosamente ele é hoje o mais descabelado dos [três] filhos carecas [o mais velho dos filhos conseguiu escapar às tesouradas genéticas].
Pelo que sei, afinal pelo que os serões familiares me iam contando, por essa altura do ano de 59 do ido século XX já o meu tio era residente nesta imensa massa territorial chamada Brasil, só que em cidade lá bem mais para cima, uns milhares de quilómetros mais a norte da São Paulo onde me encontro agora: Belém, capital do Estado do Pará.

Photobucket

Não sei se nesse ano teria ido passar umas férias à Santa Comba Dão que o tinha visto nascer, o que sei é que depois de partir novamente rumo à região amazónica meu tio só voltou à terra-natal passados 37 anos, tinha eu já ultrapassado a barreira dos 40 anos. Eu lembrava-me bem dele, ele de mim talvez nem tanto. Não posso dizer que eu tivesse ficado contente, confesso, por ele não se recordar de passagens tão marcantes que ainda estavam [e estão] gravadas na minha memória [ele, como benfiquista, contribuiu também para que eu escapasse das garras dos leões]. Passados tantos anos, meu tio teria voltado a casa, mui provavelmente, para fazer as despedidas com os irmãos [na altura ainda vivia minha tia Luzitana], afinal a vida dele estava cimentada aqui no Brasil. E pelo que sei, ainda vive, contará agora talvez com 90 anos de idade. Não posso dizer que é o meu único tio de sangue [minha mãe só teve irmãs, mas também nenhuma delas já está entre nós, viventes] porque existe ainda um outro [meio-irmão de meu pai e de meu tio, claro, fruto da aventura africana de meu avô Manuel por terras de Angola] com o qual, curiosamente, também não tenho contacto. A este, tio Manuel António, vi-o apenas por duas vezes [a segunda no funeral de minha mãe, vão lá 33 anos] e se nos encontrássemos por aí passaríamos um pelo outro, de certeza absoluta, sem nos cumprimentarmos por nos desconhecermos.
Curiosamente, residindo eu no mesmo país nunca tentei contactar com meu tio Afonso ou com a sua família. Provavelmente por culpa daquelas quase quatro décadas de separação, sem contacto, a voz do sangue esfriou, como por aqui se diz, um pouco. Sei que meu irmão, o também residente nas Américas mas lá na de cima, conseguiu chegar à fala, via telefone, com este meu tio brasileiro e até lhe falou de mim e, particularmente, do Voz do Seven. Afinal Seven é Neves [embora redigido à árabe] e eles, a família, também são Neves. Contudo, nunca me apercebi de um alô vindo de terras de Grão-Pará redigido nos comentários às entradas do Voz e tantas têm sido as que se propiciavam: sobre minha mãe, sobre meu pai, sobre meu avô e até sobre a santa terrinha. Acredito, no entanto, que meu tio não navegue pela rede e por isso compreendo, como também entendo, pelo que já bem constatei por aqui, que as raízes beirãs regadas pelo Dão nada dirão a sua esposa nem a meus primos, que, se a memória não me falha, serão um casal de primos [pergunto-me se eles saberão que eu existo].
Talvez um dia destes dê eu um alô lá para cima, já que a educação que recebi me martela os neurónios dizendo que a obrigação deve partir dos mais novos, principalmente dos que na escada hierárquica familiar estão num patamar mais abaixo.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:33

Fase Final INFANTIS 2009/10

por neves, aj, em 25.02.10


Photobucket

FUTEBOL DE SE7E
CAMPEONATO DISTRITAL DE INFANTIS [JUNIORES D]
AF Viseu – época 2009/10
Fase Final - Série A - Apuramento do Campeão

Campeonato de Escolas
Campeonato de Iniciados

Em campeonato a duas voltas, casa e fora, as seis equipas vencedoras das respectivas séries na 1ª Fase buscam o título. O sistema de classificação é o tradicional [3 pontos para a vitória, 1 ponto para o empate e 0 pontos para a derrota] sendo proclamada campeã distrital a equipa que obtiver mais pontos ao fim das 10 jornadas, sendo no entanto importante de realçar que o primeiro critério de desempate entre duas ou mais equipas com os mesmos pontos são os resultados entre elas.

Photobucket

Nesta página [página que não pretende, de jeito nenhum, roubar ou dividir o protagonismo das já existentes, antes servir de documento para as gerações vindouras] vamos procurar acompanhar a par-e-passo a Caminhada do Título dos jovens pinguins que se deseja com final feliz, no topo do podium, e, porque estamos [bem] longe do teatro de operações, vamos ter de nos socorrer, inevitavelmente, da informação que navega pela rede.
Para além dos dados recebidos do nosso correspondente Rafael Fernandes, serão três os locais onde buscaremos as informações:

escola de futebol o pinguinzinho portal zerozero.pt sítio oficial da af viseu

Atente-se que as horas dos encontros de futuras jornadas que são indicadas são obtidas no sítio oficial da AF Viseu.

Photobucket

Calendário de Jogos, Resultados e Classificação

VOLTA

1ª Jornada - 27 Fevereiro

Cinfães

3-4

O Pinguinzinho

Ac Viseu

3-2

Casa Benfica

Drizes

3-2

Ranhados

2ª Jornada - 6 de Março

O Pinguinzinho

3-0

Drizes

Ranhados

2-7

Ac Viseu

Casa Benfica

3-1

Cinfães

3ª Jornada - 13 de Março

O Pinguinzinho

2-2

Casa Benfica

Cinfães

1-2

Ranhados

Ac Viseu

5-0

Drizes

4ª Jornada - 20 de Março

Ac Viseu

2-2

O Pinguinzinho

Ranhados

1-1

Casa Benfica

Drizes

6-2

Cinfães

5ª Jornada - 27 de Março

O Pinguinzinho

1-2

Ranhados

Casa Benfica

5-1

Drizes

Cinfães

1-6

Ac Viseu

CLASSIFICAÇÃO

VOLTA

6ª Jornada - 10 de Abril

O Pinguinzinho

1-0

Cinfães

Casa Benfica

1-1

Ac Viseu

Ranhados

3-0

Drizes

7ª Jornada - 17 de Abril

Drizes

1-0

O Pinguinzinho

Ac Viseu

5-1

Ranhados

Cinfães

1-0

Casa Benfica

8ª Jornada - 1 de Maio

Casa Benfica

3-2

O Pinguinzinho

Ranhados

3-1

Cinfães

Drizes

0-5

Ac Viseu

9ª Jornada - 8 de Maio

O Pinguinzinho

2-2

Ac Viseu

Casa Benfica

3-1

Ranhados

Cinfães

3-2

Drizes

10ª Jornada - 15 de Maio

Ranhados

1-1

O Pinguinzinho

Drizes

1-5

Casa Benfica

Ac Viseu

11-2

Cinfães

Photobucket


CLASSIFICAÇÃO FINAL

 

equipa

J

V

E

D

M-S

Pontos

1

Académico Viseu

10

7

3

-

47-13

24

2

Casa Benfica Viseu

10

5

3

2

25-14

18

3

Ranhados

10

4

2

4

18-23

14

4

O Pinguinzinho

10

3

4

3

18-16

13

5

Drizes

10

3

-

7

14-33

9

6

Cinfães

10

2

-

8

15-38

6

ACADÉMICO DE VISEU –CAMPEÃO DISTRITAL da AF Viseu


Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:00

Regresso à infância

por neves, aj, em 25.02.10

Esta foto andava para aí nos nossos arquivos há já uns dias e é, finalmente, publicada não tanto para mostrar que a vida está a voltar ao Haiti antes para vos mostrar uma das brincadeiras que mais adorávamos na nossa infância: a do arco.

Photobucket
clicar para ampliar

Havia os arcos de pneu, afinal um pneu velho de bicicleta motorizada [tantos deles facultados à criançada pelo saudoso Teixeira Dinis] e que era empurrado com pancadas dadas por um pau ou pedaço de madeira e o arco de metal, como o da foto, que era [sabiamente] manobrado por uma vareta de metal com uma calha onde o arco oscilava.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:33

A Caminho do Título 2009/10

por neves, aj, em 25.02.10

A CAMINHO DO TÍTULO – 2009/2010
FASE FINAL de cada uma das equipas d'O PINGUINZINHO na luta pelo título de
Campeão Distrital da AF Viseu

CLICAR
ESCOLAS

- a equipa
- o grito
- calendário de jogos e resultados
- crónicas do rafael

 2º lugar
VICE-CAMPEONATO

CLICAR
INFANTIS

- calendário de jogos e resultados

4º lugar

CLICAR
INICIADOS

- calendário de jogos e resultados

3º lugar


Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:05

Fase Final INICIADOS 2009/10

por neves, aj, em 25.02.10


Photobucket

FUTEBOL DE ONZE
CAMPEONATO DISTRITAL DE INICIADOS [JUNIORES C]
AF Viseu – época 2009/10
Fase Final - Apuramento do Campeão

Campeonato de Escolas
Campeonato de Infantis



Em campeonato a duas voltas, casa e fora, as duas primeiras equipas de cada série [Norte e Sul] disputam o título. O sistema de classificação é o tradicional [3 pontos para a vitória, 1 ponto para o empate e 0 pontos para a derrota] sendo proclamada campeã distrital a equipa que obtiver mais pontos ao fim das 6 jornadas, sendo no entanto importante de realçar que o primeiro critério de desempate entre duas ou mais equipas com os mesmos pontos são os resultados entre elas.

Photobucket

Nesta página [página que não pretende, de jeito nenhum, roubar ou dividir o protagonismo das já existentes, antes servir de documento para as gerações vindouras] vamos procurar acompanhar a par-e-passo a Caminhada do Título dos jovens pinguins que se deseja com final feliz, no topo do podium, e, porque estamos [bem] longe do teatro de operações, vamos ter de nos socorrer, inevitavelmente, da informação que navega pela rede.
Para além dos dados recebidos do nosso correspondente Rafael Fernandes, serão três os locais onde buscaremos as informações:

portal zerozero.pt escola de futebol o pinguinzinho sítio oficial da af viseu

sendo que será essencialmente no blogue da escola onde beberemos com mais assiduidade já que, por exemplo, a confiabilidade de resultados é garantida.
Atente-se que as horas dos encontros de futuras jornadas que são indicadas são obtidas no sítio oficial da AF Viseu.

Photobucket

Calendário de Jogos, Resultados e Classificação

VOLTA

1ª Jornada - 9 de Maio

Drizes

0-1

O Pinguinzinho

O Crasto

2-0

Molelos

2ª Jornada - 16 de Maio

O Pinguinzinho

0-2

O Crasto

Molelos

3-0

Drizes

3ª Jornada - 23 de Maio

O Pinguinzinho

3-1 Molelos

Drizes

0-3 O Crasto

CLASSIFICAÇÃO

VOLTA

4ª Jornada - 30 de Maio

O Pinguinzinho

3-2

Drizes

Molelos

1-0 O Crasto

5ª Jornada - 6 de Junho

O Crasto

1-0

O Pinguinzinho

Drizes 0-3 Molelos

6ª Jornada - 10 de Junho

Molelos

2-0

O Pinguinzinho

O Crasto 3-0

Drizes

Photobucket


CLASSIFICAÇÃO FINAL

 

equipa

J

V

E

D

M-S

Pontos

1

O Crasto

6

5

-

1

11-1

15

2

Molelos

6

4

-

2

10-5

12

3

O Pinguinzinho 6 3 - 3 7-8 9

4

Drizes

6

-

-

6

2-16

0

O CRASTO  – CAMPEÃO DISTRITAL da AF Viseu


Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:47

Fase Final ESCOLAS 2009/10

por neves, aj, em 25.02.10


Photobucket

FUTEBOL DE SE7E
CAMPEONATO DISTRITAL DE ESCOLAS [JUNIORES E]
AF Viseu – época 2009/10
Fase Final - Série A - Apuramento do Campeão

Campeonato de Infantis
Campeonato de Iniciados 



Em campeonato a duas voltas, casa e fora, as seis equipas vencedoras das respectivas séries na 1ª Fase buscam o título. O sistema de classificação é o tradicional [3 pontos para a vitória, 1 ponto para o empate e 0 pontos para a derrota] sendo proclamada campeã distrital a equipa que obtiver mais pontos ao fim das 10 jornadas, sendo no entanto importante de realçar que o primeiro critério de desempate entre duas ou mais equipas com os mesmos pontos são os resultados entre elas.

Photobucket

Nesta página [página que não pretende, de jeito nenhum, roubar ou dividir o protagonismo das já existentes, antes servir de documento para as gerações vindouras] vamos procurar acompanhar a par-e-passo a Caminhada do Título dos jovens pinguins que se deseja com final feliz, no topo do podium, e, porque estamos [bem] longe do teatro de operações, vamos ter de nos socorrer, inevitavelmente, da informação que navega pela rede.
Para além dos dados recebidos do nosso correspondente Rafael Fernandes, serão três os locais onde buscaremos as informações:

pinguinzinho na bola portal zerozero.pt sítio oficial da af viseu   escola de futebol o pinguinzinho

sendo que será essencialmente no primeiro, Pinguinzinho na Bola, onde beberemos com mais assiduidade já que, por exemplo, a confiabilidade de resultados é garantida visto ser blogue construído por autor, aliás autora, que acompanha a Equipa de Escolas d'O Pinguinzinho.
Atente-se que as horas dos encontros de futuras jornadas que são indicadas são obtidas no sítio oficial da AF Viseu.

Photobucket

Calendário de Jogos, Resultados e Classificação

VOLTA

1ª Jornada - 27 Fevereiro

Os Pestinhas

2-3

O Pinguinzinho

Vildemoinhos

3-2

Ac Viseu

O Crasto

2-2

Cinfães

2ª Jornada - 6 de Março

O Pinguinzinho

3-0

O Crasto

Cinfães

0-3

Vildemoinhos

Ac Viseu

5-2

Os Pestinhas

3ª Jornada - 13 de Março

O Pinguinzinho

2-0

Ac Viseu

Os Pestinhas

1-4

Cinfães

Vildemoinhos

5-3

O Crasto

4ª Jornada - 20 de Março

Vildemoinhos

1-1

O Pinguinzinho

O Crasto

6-0

Os Pestinhas

Cinfães

1-4

Ac Viseu

5ª Jornada - 27 de Março

O Pinguinzinho

3-1

Cinfães

Ac Viseu

3-3

O Crasto

Os Pestinhas

0-2

Vildemoinhos

CLASSIFICAÇÃO

VOLTA

6ª Jornada - 10 de Abril

O Pinguinzinho

6-1

Os Pestinhas

Ac Viseu

4-2

Vildemoinhos

Cinfães

1-1

O Crasto

7ª Jornada - 17 de Abril

O Crasto

2-2

O Pinguinzinho

Vildemoinhos

7-1

Cinfães

Os Pestinhas

1-4

Ac Viseu

8ª Jornada - 1 de Maio

Ac Viseu

2-2

O Pinguinzinho

Cinfães

2-1

Os Pestinhas

O Crasto

0-3

Vildemoinhos

9ª Jornada - 8 de Maio

O Pinguinzinho

0-0

Vildemoinhos

Os Pestinhas

0-2

O Crasto

Ac Viseu

6-6

Cinfães

10ª Jornada - 15 de Maio

Cinfães

2-2

O Pinguinzinho

O Crasto

1-5

Ac Viseu

Vildemoinhos

5-0

Os Pestinhas

Photobucket


CLASSIFICAÇÃO FINAL

 

equipa

J

V

E

D

M-S

Pontos

1

Vildemoinhos 10 7 2

1

31-11

23

2

O Pinguinzinho

10

5

5

-

24-11

20

3

Ac Viseu

10

5

3

2

35-23

18

4

Cinfães

10

2

4

4

20-30

10

5

O Crasto

10

2

4

4

20-24

10

6

Os Pestinhas

10

-

-

10

8-39

0

LUSITANO DE VILDEMOINHOS  – CAMPEÃO DISTRITAL da AF Viseu


Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 05:58

Zé Neves, 93 anos

por neves, aj, em 25.02.10

Nascido no já longínquo ano de 1917, meu pai, falecido no ano de 2002, completaria hoje dia 25 de Fevereiro, 93 anos de idade.

Photobucket

Aqui fica o registo, porque a efeméride me veio à mente e sinto que o devo fazer para que a sua memória jamais se apague, contudo, em verdade vos digo que há alturas em que me incomoda bastante esta coisa de assinalar a data de nascimento de quem já não nos faz companhia nesta vida terrena. Como hoje, por exemplo, neste preciso momento em que escrevo quando são quatro horas da manhã e quando só tenho por companhia o som da chuva que lá fora cai [porque as minhas duas piruças ainda descansam, uma sobre e a outra sob a cama de onde saí há pouco acordado por trovões]: ao invés de ir procurar aquela lengalenga do Parabéns a Você para festejar a data fico praqui achacado com uma melancolia terrível a olhar para o passado bebendo gole de café atrás de gole intervalados por maléficas espirais de fumo de tabaco.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 04:15

Carnaval de Torres

por neves, aj, em 24.02.10

... em Torres Vedras, o mais português de todos os carnavais, segundo a organização!

CLICAR

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:17

São Paulo, Segunda e Terça

por neves, aj, em 24.02.10

... Sol e chuva, chuva e Sol... como vêem, caros amigos e amigas, é muito por culpa destas curvas oscilatórias que a saúde de um homem fica abalada.

  Photobucket

 Photobucket
clicar em cada uma das fotos

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:36

Tramados por uns cocos

por neves, aj, em 22.02.10

Photobucket... estafilococos, mais exactamente, não tendo eu fixado a sua denominação específica. Por falar em especificidade: identificada que foi a bactéria que amolenta a minha Maria, a menina bem comportada que não merece isto nem de perto nem de longe [em mim tamanho castigo já seria aceitável, talvez], começou a ser administrado um antibiótico específico. Resta agora rogar que o dito cujo cumpra a sua função de aniquilar os malfadados cocos. Só que o processo é mais moroso que atar [chouriças ou linguiças] e pôr ao fumeiro. A terapêutica vai levar o seu tempo já que terá que obedecer a "protocolos" pré-estabelecidos e que no caso do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP é de 14 dias de duração. Muito tempo para quem espera e, especialmente para quem não tem paciência, como é o meu caso. Felizmente que ela a tem e, também, felizmente, que me livrei de dar explicações à família, não à minha, claro, [porquê, como aconteceu, que dizem os médicos, etc] após resposta de patas ao alto que me prezo de ter dado. Verdade seja dita que ando um pouco confuso, sem obter respostas precisas e esclarecedoras para acalmar uma mente perguntadora que tem umas luzes mas que lhe falta a instalação completa, como diria o Zé Povinho. Contudo, amanhã, afinal hoje porque são três horas da manhã numa noite em que o sono já se evaporou, como mui provavelmente chegarei à fala com a infectologista que está com o caso em mãos [da parte ortopédica, já se poderia falar de alta] espero já ficar de mente [e dúvidas] mais aliviada tanto que, pelo que me é dito em explicações superficiais e que não me satisfazem quer pelo médico residente [interno?] e enfermeiras, a terapêutica até pode ser feita por via oral ou se por obrigatoriedade ter que continuar por via endovenosa poderá ter alta e ir diariamente a um centro de saúde, o que não é muito do meu agrado diga-se em abono da verdade, mas como também não sou eu que estou lá deitado na cama do Hospital vou evitar mandar palpites, pelo menos por ora. Mais calmo, em parte porque também comuniquei com o Cazaquistão, acho que me vou deitar para dormir mais umas horas, já que amanhã tenho um dia longo pela frente. A primeira coisa a fazer é levar a minha Piruças 4patas ao veterinário, porque manca de uma pata, da dianteira direita, e não consegue caminhar sem acusar dor. Tenho até de pegar nela ao colo para poder comer e beber, tornando-se deveras difícil de saber se é isso mesmo que ela pretende já que não podemos esquecer que também urina e evacua. Vá lá saber-se. Mas nem dá para acreditar a razão desta situação: uma infecção entre duas unhas, pelo menos assim me parece.... como diz o doutor amigo, às voltas ele também com uns incómodos sobre as cruzes [tal como os padres pecam, também os médicos adoecem], que mais me irá acontecer?

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 05:06

Pág. 1/4





  


 photo logoasminhasfotos_zps81358f6e.png

calendário

Fevereiro 2010

D S T Q Q S S
123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28




Comentários recentes


Ligações

SANTA COMBA DÃO

NOTÍCIAS NO VOZ

FUTEBOL NO VOZ

INFORMÁTICA NO VOZ

LUSO IN SÃO PAULO

FOTOS NO FACEBOOK