Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Mamão

por neves, aj, em 16.09.10

"... é uma das melhores frutas do mundo, tanto pelo seu valor nutritivo, como pelo poder medicinal."
Frases deste tipo são bem comuns em qualquer página que circule por aí pela rede das redes quando se pesquisa por mamão.  Na verdade, pelo que lemos, o mamão devia ser tão propagandeado nos centros materno-infantis quanto o leite, por exemplo, dado o seu valor nutritivo e tudo o mais que carrega consigo, deveria até ser vendido em pílulas nas farmácias já que parece que "tem tudo de bom" e até as raízes, tronco, folhas e flores da árvore [mamoeiro ou, também, papaeira] que produz esta benção dos deuses têm fins terapêuticos.

Photobucket

A wikipédia começa por nos dizer que mamão, papaia ou ababaia é o fruto do mamoeiro ou papaeira, árvores das espécies do gênero Carica, especialmente de Carica papaya. Em Angola e Moçambique utilizam-se os termos mamão/mamoeiro para identificar o fruto mais arredondado, identificando papaia/papaeira com o fruto mais alongado e mais adocicado. São bagas ovaladas, com casca macia e amarela ou esverdeada.Sua polpa é de uma cor laranja forte, doce e macia... logo de seguida vem o que realmente nos interessa: há uma cavidade central preenchida com sementes negras e rugosas, envolvidas por um arilo transparente...e quantas sementes, meus caros, resmas delas como podeis ver aqui nesta foto, as quais, como não podia deixar de ser, têm propriedades terapêuticas como nos diz oEco Pousada Jardim do Éden [a mastigação de 10 a 15 sementes frescas elimina vermes intestinais, regenera o fígado e limpa o estômago, lemos] sendo que até poderiam ser consideradas como medicamento revolucionário na luta que a Medicina trava há séculos com uma das maiores "pragas" que ao contrário da voz corrente do Povo não é "doença da moda" e sim bem antiga, acreditamos até que terá a mesma idade do homem visto que tem origem na degenerescência de células que se multiplicam desordenadamente e não é qualquer bicho-papão que nos rói as entranhas: o cancro. Abusivamente, o citado portal diz-nos que as sementes do mamão comidas em quantidade, são eficazes contra câncer e tuberculose.
Bom, entre as "coisas certas" que devem ser de levar em conta [fonte de vitamina C, um bom regulador intestinal, por exemplo] e as exageradas [esta de ser eficaz contra o cancro/câncer...], não haja dúvida que o mamão, em sumo ou aos pedaços, é fruta altamente aconselhável na alimentação do homem.  Cá em casa é bem-vinda, claro, é fruta que tem as portas franqueadas, mas curiosamente só a Maria é que a come, já que nós nunca simpatizámos com ela [preferimos umas mangas, palmer de preferência, bem suculentas que nos lambuzam até aos cotovelos] ficando-nos a dúvida se por culpa dessas milhentas sementes que embelezam as metades do fruto mas que nós achamos "chatas p'ra cacete" embora tenham sido elas o mote que nos levou a escrever a presente entrada: afinal para onde foram as toneladas de sementes desse mamão que ontem mesmo comprámos no supermercado e que nos preocupámos em fotografar? Partidinha da mãe-Natureza, ora, porque se fosse obra da engenharia genética os outros dois que abrimos [propositadamente] não portavam o habitual carregamento de bolinhas pretas.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 07:18




  


 photo logoasminhasfotos_zps81358f6e.png

calendário

Setembro 2010

D S T Q Q S S
1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930




Comentários recentes


Ligações

SANTA COMBA DÃO

NOTÍCIAS NO VOZ

FUTEBOL NO VOZ

INFORMÁTICA NO VOZ

LUSO IN SÃO PAULO

FOTOS NO FACEBOOK