Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Fortuna nossa

por neves, aj, em 10.12.10

.. poder ouvir Oh Fortuna de André Rieu em espectáculo de realização fabulosa.
Um clique na imagem leva ao vídeo.

Photobucket
um clique para ver e ouvir Oh Fortuna

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:02

O diabo passou por aqui

por neves, aj, em 10.12.10

... a frase não é nossa, é de um ministro do governo português de visita à região de Tomar, Ferreira do Zêzere e Sertã [Centro de Portugal] que sofreu no ido dia 7 de Dezembro os efeitos devastadores de um tornado em fúria, cousa rara p'lo pequeno rectângulo à beira-atlântico plantado [PortugalDiário].

Photobucket
Photobucket
fotos I fotos II  vídeo I  vídeo II vídeo III

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:39

Cinquenta dias

por neves, aj, em 10.12.10

... ontem, dia 9 de Dezembro, completei 50 dias [ininterruptos] sem fumar.

Photobucket

Sem fumar por vontade própria, sem interferência de quem quer que fosse, sem ajuda de pastilhas ou discos de nicotina e sem terapia de grupo, apenas resultado de uma reacção pessoal tomada de forma radical após sérias dificuldades respiratórias.
Posso dizer que ultimamente tenho vivido com [muito] menos tentações de fumar [os sete cigarros sobreviventes já fazem parte da mobília que me rodeia e não me incomodam absolutamente nada] e parece que o organismo já está mais ou menos adaptado [por exemplo, desapareceram alguns transtornos ou alterações intestinais que me acompanharam aí durante um mês]: só de tempos a tempos sinto necessidade de expectorar e aquela tosse matinal que só um fumador/fumante entende, desapareceu.  Contra a ideia que tinha pré-formado, não tenho tido problema em estar nas imediações de gente que fuma: nem a visão nem o cheiro me provocam desejo [nem me incomodam, note-se bem], contudo é importante assinalar que este meu convívio é ocasional já que, como disse, os meus hábitos de vida por cá alteraram-se significativamente e pouco ou nada convivo socialmente não que me tivesse tornado um bicho-do-mato, mas porque as circunstâncias são diferentes e remeto-me mais a casa. Quanto à alimentação, continuo a fugir do café e já me habituei a chás [cidreira, erva-doce, carqueja, limão, hortelã... depende do que está mais à mão na prateleira do supermercado] que, curiosamente, tomo sem açúcar, e quando sinto aquele vazio que me leva de modo instintivo a passar a língua pelos lábios e a estimular as salivares [desejos que só um dependente conhece] levo uma peça de fruta à boca ou uma bolachita integral e tento distrair-me com qualquer coisa bem diferente do que estava a fazer: faz desaparecer outros desejos e a balança não grita por excesso de peso. Antes de fechar a entrada dos cinquenta dias sem fumo [uma pequena vitória para mim] gostaria de deixar claro que não me tornei um crítico ou perseguidor dos que fumam: para já ainda não me considero um ex-fumador, depois continuo a considerar que os fumadores/fumantes têm [também] direitos e não podem ser considerados uns marginais só porque não fumar entrou na moda e por último [embora houvesse muitas mais razões] devo ser solidário com aqueles [e aquelas] que até têm desejo de parar mas se lhes torna difícil fazê-lo.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 05:46




  


 photo logoasminhasfotos_zps81358f6e.png

calendário

Dezembro 2010

D S T Q Q S S
1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031




Comentários recentes


Ligações

SANTA COMBA DÃO

NOTÍCIAS NO VOZ

FUTEBOL NO VOZ

INFORMÁTICA NO VOZ

LUSO IN SÃO PAULO

FOTOS NO FACEBOOK