Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Saudades de uma sardinhada

por neves, aj, em 25.03.12

[a propósito de uma reportagem da TV Globo]

sardinha

... é verdade que ela, a sardinha portuguesa, chega até cá, na forma congelada é um facto, mas descongelada à temperatura do refrigerador e com umas pedras de sal por cima ficaau point. Contudo, asardinhada fica por consumar porque tenho de me contentar em assá-la na chapa de grelhados e sardinha assada de outra forma que não no fogareiro a carvão não tem a mesma graça e muito menos o mesmo sabor. Ademais, falta-me a broa de milho ou o trigamilho e, muito importante, o convívio. Vem esta entrada [oupost] a propósito de uma sardinhada à portuguesa que passou hoje à hora de almoço na televisão brasileira e me deixou de água na boca. Feita na belíssima praia da Nazaré, a sardinhada é parte integrante de uma longa reportagem [43 minutos] da TV Globo sobre a gastronomia lusitana vista numa perspectiva de "boa saúde" onde são apontados os benefícios de alimentos como a dita cuja, o azeite e o bacalhau. A reportagem dá assim destaque à chamada dieta atlântica, fala-nos de mestre Salgueiro de Montemor-o-Novo conhecido como o feiticeiro das ervas e ainda dos brasileiros alunos na Universidade de Coimbra [mui particularmentes estudantes de escolas públicas brasileiras que ganharam bolsas de estudo] e que, segundo o jornalista, são [já] 10% da população estudantil. Na impossibilidade de vos oferecer a reportagem de modo compacto [vídeo apenas acessível aos assinantes Globo] deixo-vos as ligações a seis pequenos vídeos [6-7 minutos cada] que compõem esta excelente reportagem do Globo Repórter da Tv Globo [é só clicar em cada uma das ligações abaixo] e que me deixou deliciado.

dieta atlântica, redução do risco de enfartesardinha, alimento e medicamentoazeite, risco menor de ataque cardíaco</b>mestre Salgueiro o feiticeiro das ervasbacalhau, o símbolo da sobrevivênciaestudantes brasileiros em Coimbra

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:45

Portugalců

por neves, aj, em 25.03.12

[a propósito de uma inusitada invenção portuguesa]

... leve-se em atenção, muita atenção, que apesar de a imagem o poder sugerir, Portugalců não se refere, de jeito nenhum, às partes traseiras do pequeno país à beira-mar plantado nem nos quer dizer que Portugal está na cauda da Europa, expressão fatalista tão usada pelos cáusticos "velhos do Restelo".
Portugalců é uma palavra em língua checa que o tradutor google nos diz significar português [ou portuguesa]. Como curiosidade refira-se que os checos identificam a Lusitânia como Portugalkso.

blackshit
um clique leva ao artigo do jornal checo

A curiosa palavra encontrámo-la aqui há uns tempos em título de artigo em jornal da República Checa [o TÝDEN.cz] que reza assim: Černý toaleťák patří k tahounům vývozu Portugalců [papel higiénico preto é uma das forças motrizes das exportações portuguesas, segundo o mesmo tradutor google]. O citado artigo vem superiormente emoldurado por imagem de rolos de papel higiénico preto que é, note-se bem, um produto de criação exclusivamente lusitana pelaRenova-Fábrica de Papel do Almonda, uma empresa que fabrica produtos feitos de papel para uso doméstico e sanitário tais como lenços, toalhas de cozinha ou papel higiénico. A inovação não é propriamente novidade e embora não tão conhecida em Portugal como se poderá pensar, ela é já sobejamente divulgada pelo mundo mui particularmente em casas de banho de hotéis e restaurantes que costumamos etiquetar de chiques ou de luxo em cidades famosas como Paris ou Nova Iorque e é considerada um businesse case [caso de sucesso empresarial] como nos narra umareportagem da Globo News acerca do Papel Higiénico Colorido da Renova que passou há uns tempos cá por terras brasilenses.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:26

São Paulo: 300 anos como cidade

por neves, aj, em 25.03.12

[histórias da primeira cidade do interior do Brasil]

PACOMUNICIPAL
um clique para acesso à crónica do Historiador Carlos Fatorelli

... no próximo dia 11 de Julho, a megametrópole de São Paulo irá completar 301 anos de elevação a cidade. Com efeito foi naquele dia de Julho do já longínquo ano de 1711 que D. João V de Portugal assinou em Lisboa a ordem régia oficializando a elevação de São Paulo a Cidade, passando a servir de residência ao governador e capitão-mor da capitania de São Paulo e Minas do Ouro e ainda com direito a oficializar uma diocese episcopal, condição esta não disponibilizada nas vilas.
Um clique na ilustração [“Paço Municipal em 1628” – JOSÉ WASTH RODRIGUES (óleo sobre tela-1920) Acervo do Museu Paulista (SP)], leva a página do blogue do Historiador Carlos Fatorelli que nos narra episódios históricos deveras interessantes dessa época quando São Paulo se tornou na primeira cidade do interior brasileiro.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:02

Quinhentos Escudos

por neves, aj, em 25.03.12

... a esmagadora maioria do povo santacombadense não o saberá, mas já houve um nosso conterrâneo que estampou uma nota do Banco de Portugal: nota de Quinhentos Escudos, datada de 1932, cujo espécime vos apresentamos.
Praticamente desconhecido no próprio meio que o viu nascer [Vila Dianteira, freguesia de São João de Areias, concelho de Santa Comba Dão], José da Silva Carvalho foi figura de vulto no século XIX, um dos obreiros da Revolução Liberal de 1820 e exerceu altos cargos nos reinados de D. João VI, D. Pedro IV [Pedro I do Brasil] e de D. Maria II. Juiz por formação, Silva Carvalho foi o primeiro Presidente do Supremo Tribunal de Justiça [wikipédia].

nota500
um clique para ampliar

A NOTA - Dimensões da nota 177 x 104 mm. Foram emitidas 2 185 600 notas com a data de 18 de Novembro de 1932. A primeira emissão em 3 de Setembro de 1934 e a última emissão datada de 1 de Setembro de 1939. Foram retiradas de circulação em 30 de Junho de 1948. A frente é composta por duas estampagens calcográficas, sendo uma a preto, com a figura de José da Silva Carvalho, e outra em tom avermelhado, com a fachada do Palácio de Queluz e respectiva cercadura.... pode ler-se noJORNAL DAS CALDAS em artigo da autoria de Luís Manuel Tudella sobre o papel-moeda em Portugal 1910-2010.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:16




  


 photo logoasminhasfotos_zps81358f6e.png

calendário

Março 2012

D S T Q Q S S
123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031




Comentários recentes


Ligações

SANTA COMBA DÃO

NOTÍCIAS NO VOZ

FUTEBOL NO VOZ

INFORMÁTICA NO VOZ

LUSO IN SÃO PAULO

FOTOS NO FACEBOOK