Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



1° aniversário!

por neves, aj, em 01.04.05
Image hosted by Photobucket.com
7mile tal visitas...

1 de Abril de 2005
Voz do Sevencompleta hoje 1 ano de existência!

É verdade, mesmo tendo em conta que hoje é </font><ahref="http://www.malhatlantica.pt/paulaperna/1_abril_1.htm"target="_blank">Dia das Mentiras</a>

[Error: Irreparable invalid markup ('<fontsize="3">') in entry. Owner must fix manually. Raw contents below.]

<center><img src="http://img.photobucket.com/albums/v642/Seven2005/Diversos/boloanivvozdoseven1.jpg" alt="Image hosted by Photobucket.com" width="307" height="302"><br><font color="#FF0000" size="7"face="Arial Black"><strong>7</strong></font><font size="3"><strong></strong></font><font color="#FF0000" size="4"><strong>mil</strong>e tal visitas...</font> </center><p align="justify"><font size="4"><strong>1 de Abril de 2005</strong></font><br><font size="3" face="Verdana">Voz do Sevencompleta hoje 1 ano de existência!<br></font><p align="justify"><font size="3" face="Verdana">É verdade, mesmo tendo em conta que hoje é </font></font><ahref="http://www.malhatlantica.pt/paulaperna/1_abril_1.htm"target="_blank"><font size="3" face="Verdana">Dia das Mentiras</font></a><fontsize="3" face="Verdana"> ou dos Enganos. E se uma certaexcentricidade levou o seu autor a escolher esta data para o <em>nascimento</em>oficial do Voz do Seven é porque talvez nem ele próprioacreditava que chegaria tão longe, tamanhas foram asdificuldades iniciais e os contratempos que foram surgindo aolongo da sua <em>vida</em>. Por outro lado, esta data de 1 deAbril pode ser justificativa se Voz do Sevenfor apelidado, por críticos mais ferozes, de pasquim ou de <em>enganode blog</em>. Mas hoje Voz do Seven já não é engano algum.Existe e vai crescendo, o que dá imenso prazer ao seu mentor, mas nem tanto pela existância em si, antes sim por saber que é espaço procurado porvós e Voz do Seven quando escreve pensaessencialmente nos seus leitores... apesar de que a redacção dealguns dos textos lhe dão um gozo enorme, talvez comparadoàquele gozo que sentia o goleador Fernando Gomes quando marcavaum golo e que é afinal o gozo que cada um de nós deve sentirnuma íntima relação a dois. Para acabar este parágrafo eantes que esqueça, Voz do Seven dá uma palavrinha deagradecimento aos seus leitores... aos mais fiéis, àqueles queperiodicamente o visitam, diria diariamente, que fazem do Voz doSeven o seu <i>jornal da manhã</i> e quemuitas vezes lhe transmitem palavras de incentivo. Mas Voz doSeven não pode esquecer os &quot;outros&quot; aqueles queocasionalmente ao navegar pela <em>web</em> aqui <em>caem</em> edeixam também palavras animadoras. Críticas negativas temhavido, poucas diga-se, aliás crê-se que só duas, sendo umadelas bem forte e em que a leitora foi deveras dura tanto maisque não criticou propriamente Voz do Seven e antes sim o Povo aque pertence... que culpa terão Camões, Gama ou Pessoa dosartigos que Voz do Seven escreve? O comentário não foi apagado,não se bloqueou o IP (grosso modo diremos que é endereço docomputador) da visitante e nem sequer se fechou a possibilidadede novos comentários (mesmo correndo o risco de ataque de <em>spam</em>)porque um dos orgulhos de Voz do Seven é considerar-severdadeiramente democrático. Quem conhece o &quot;pai dacriatura&quot; mais intimamente até poderá estranhar ele nãoter respondido ao citado comentário, mas o bom senso e otravesseiro (ou almofada) foram bons conselheiros e também muitocontribuiu o pedido solicitado cá em casa. <em>Águas passadasnão movem moinhos</em> (tudo começou por um provérbio) tantomais que a visitante tornou-se leitora assídua... pronto não sefala mais nisso e se a questão veio agora aqui à baila éporque já diz o (meu) povo que <em>quem não se sente não éfilho de boa gente</em>.<br>É verdade, assim, que hoje no Dia das Mentiras Voz do Sevenfesteja o primeiro aniversário, porque Voz do Seven sempreprimou por escrever verdades e mesmo todas as opiniões pessoaisforam baseadas em factos que crê verídicos e buscados emjornais e páginas da internet que se julgam credíveis. Voz doSeven sempre procurou escrever de boa fé e a existirem omissõesou erros nos seus escritos, tais penalidades fogem ao seu alcancee se detectadas procura-se imediatamente corrigir. Voz do Seventambém jamais procurou a especulação, evitou a crítica baratae, porque é <em>sítio</em> que abrange duas nações, evitou onacionalismo doentio. É facto que Voz do Seven é, na essência,bem português e é escrito na ortografia aprendida na EscolaPrimária lusitana o que se torna perfeitamente natural e, penso,compreendido pelos visitantes brasileiros que o lêem... e nãoserão estas trocas de saber que fazem evoluir as nossas mentes?E atente-se que como patriota que é, Voz do Seven não podeesquecer-se da sua língua, tão carinhosamente apelidada deLíngua Mãe, e que em opinião estritamente pessoal estará aonível da Bandeira Nacional e do Hino Nacional, senão empedestal mais elevado.<br>Em final deste discurso festivo fazem-se os agradecimentos aosque tornaram possível este projecto, não se resistindo ainda àtentação de fazer um pouco de história. Assim, e recuando umpouco no tempo, lá para Fevereiro de 2004, o xará AntónioNeves lançou a ideia de o Seven articulista do semanáriosantacombadense Defesa da Beira colocar os escritos na <em>net</em>,à semelhança do que ele fazia no seu </font><ahref="http://www.viladeanteira.blogspot.com/" target="_blank"><fontsize="3" face="Verdana" color="#FF0000">Blog da Vila Dianteira</font></a><fontsize="3" face="Verdana">. Não vindo já à memória a razão deter sido o portal </font><a href="http://www.weblog.com.pt/"target="_blank"><font size="3" face="Verdana" color="#FF0000">weblog.com.pt</font></a><fontsize="3" face="Verdana"> a casa escolhida, o Voz do Seven viu oseu título pintado nas páginas da <em>web</em>... apenas otítulo, mas <em>o ovo já estava chocado</em>... deveríamosestar em meados de Março desse mesmo ano. Voz do Seven queriaaparecer, já tinha escritos, mas a colocação deles é que erao cabo dos trabalhos. A prenhez crescia, mas a gestação passavapor dificuldades. Partindo do <em>zero abaixo de zero</em> muitapestana se teve de queimar em busca de <em>livros da web</em> quefalassem do assunto, em estudar e colocar em prática, advindodaí noites mal dormidas com consequentes chatices conjugais porum lado da cama ser ocupado tardiamente quase quase com a Lua aceder o lugar ao Sol. Inevitavelmente o xará António Neves teveque aplicar os seus dotes de professor, neste caso à distância,mas quem sabe transmitir conhecimentos até ensina um <em>marciano</em>ou outra qualquer criatura onde quer que esteja, não é verdade?Obrigado António. Antes da cereja dos agradecimentos sercolocada no bolo, um obrigado a todos e a qualquer um que de umou de outro modo contribuíram e continuam a contribuir para aexistência e, porque não, engrandecimento do Voz do Seven, não podendo cair no esquecimento <em>aquele agradecimento</em>carinhoso à cara-metade e agora sim e finalmente a toda a equipado </font><a href="http://www.weblog.com.pt/" target="_blank"><fontsize="3" face="Verdana"><font color="#FF0000">Weblog.com.pt</font>,</font></a><font size="3"face="Verdana"> em especial ao caro Paulo Querido, que tantoajudou e animou Voz do Seven respondendo sempre na hora e com um <em>sorrisonos lábios</em> às dúvidas colocadas, por mais complicadas ou básicas que fossem. Obrigado Paulo.</font></p><p align="justify"></p><a name="aniversariofinal"></a>

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:33




  


calendário

Abril 2005

D S T Q Q S S
12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930



Comentários recentes


Ligações

SANTA COMBA DÃO

NOTÍCIAS NO VOZ

FUTEBOL NO VOZ

INFORMÁTICA NO VOZ

LUSO IN SÃO PAULO

FOTOS NO FACEBOOK