Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Grávido de um pólipo

por neves, aj, em 14.01.12

... a maioria dos cânceres de cólon surgem de um pólipo, porém, são minoria os pólipos que podem se transformar em câncer", li eu, com satisfação, por aí por algures.

Photobucket
um clique para leitura em blogue de médico especialista

... note-se que me aponto grávido do que eu chamei gravidez espontânea, surgida sem união de dois gâmetas, não sei bem se à semelhança daquela que aprendemos na catequese, mas atente-se também que esta minha gravidez não surgiu por intervenção de deus algum, bom ou mau, antes por reacção verrugosa da parede interna do intestino grosso a um estímulo qualquer cuja causa não está nem vai ser determinada e será irrelevante neste momento.

A má-nova soube-a na Terça-feira passada, dois dias pós Natal, e foi-me anunciada pela voz [mãos e olhos] da Drª Adriana curiosamente a minha gastroenterologista, ela mesmo, a própria, que na Quinta-feira imediatamente anterior tinha solicitado o exame e talvez por essa razão de proximidade no tempo me teria reconhecido logo após eu ter subido ao altar do sacrifício onde foi feita a colonoscopia: já aqui, sr António? A marcação [do exame] foi rápida... houve uma desistência doutora, atalhei, já a endoscopia [ao estômago] está marcada só pra Março, acrescentei em desabafo e na esperança vã que me desse uma solução para a antecipar... este exame é mais importante... é, será, concordei eu ao trazer o histórico genético à memória, mas fi-lo apenas em pensamento tanto mais que parecia que os efeitos da sedação já estavam a fazer-se sentir. No entanto eu estava de atalaia e em dado momento [porque vi um frasquinho na mão de uma das enfermeiras] bradei: doutora tá a fazer biópsia... é, pólipo, e tem que ser tirado em ambiente hospitalar devido às dimensões... tou tramado, teria eu murmurado entre dentes, mas parece que ninguém teria entendido e ademais nem é palavra comummente usada por cá.

Porque se sai do exame assim meio zonzo só em casa é que comecei a esmoer o meu pólipo pediculado. Através da internet, claro. Fui lendo acerca, também "ouvindo" palavras de ânimo de um ou outro amigo em conversa pelo "chat" do facebook. Embora continue preocupado, claro, nomeadamente com o resultado da biópsia [finais de Janeiro], a tensão lá se vai desvanecendo mas a realidade é só uma: maligno ou benigno, tenho que sacar o pólipo... assim mo disse a minha filha, concordei e interiozei. Porque é que vos conto? Nem eu sei, por masoquismo é que não é, talvez precise de, à semelhança dos apaixonados, dizê-lo cantando a toda a gente não propriamente porque se tenha orgulho em possuir um pólipo dentro de si mas necessidade de desanuviar e passar a palavra para, se ele aparecer, não se meter a cabeça na areia, e sim enfrentar a realidade e evitar sofrer por antecipação. Outro propósito será estimular o pessoal, nomeadamente cinquentinha, a fazer uma colonoscopia, porque na prevenção é que reside a despreocupação... não é tão tão como se pinta por aí, parir deve custar mais, digo eu!

 

Diga-se que a tormenta, da ressecção e do resultado das análises das biópsias, já passou. Tudo dentro dos conformes. Agora é estar vigilante. Para o ano fazer nova colonoscopia e depois se verá!

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 14:12





  


calendário

Janeiro 2012

D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031



Comentários recentes


Ligações

SANTA COMBA DÃO

NOTÍCIAS NO VOZ

FUTEBOL NO VOZ

INFORMÁTICA NO VOZ

LUSO IN SÃO PAULO

FOTOS NO FACEBOOK